Saúde do idoso

Os principais cuidados com a saúde do idoso na primavera

Conheça os principais cuidados com a saúde do idoso durante a estação mais florida do ano

A primavera tem os seus encantos e deixa a natureza cada vez mais exuberante, com árvores e jardins sempre floridos, mas a estação mais charmosa do ano também pode trazer alguns incômodos para a nossa saúde, em especial, a dos idosos. 

Por isso, esse artigo vai te mostrar os principais cuidados com a saúde do idoso que devem ser tomados durante a primavera. Bora lá conferir quais são? 

1. Alimentação leve e balanceada

Para manter a saúde do idoso intacta durante a primavera e em qualquer outra estação do ano, é fundamental ter uma dieta equilibrada e, sobretudo, leve. Como acontece uma considerável elevação das temperaturas, a alimentação diária das pessoas da terceira idade não deve ser pesada e extremamente calórica. 

Sucos naturais, verduras, legumes, frutas, peixes e massas integrais devem fazer parte do cardápio diário dos idosos, já que são alimentos de alto valor nutricional, ricos em fibras e vitaminas. Uma clínica de repouso oferece uma dieta saudável e balanceada para todos os seus hóspedes, diariamente. 

2. Atenção quanto ao vestuário

Como a primavera é uma estação de transição, pode-se ter vários dias de temperaturas bem altas em boa parte do Brasil. Para que a saúde do idoso não seja prejudicada, o uso de roupas leves é o mais recomendado. 

Antes de usá-las, já que ficaram guardadas durante o inverno, o ideal é que sejam lavadas, para retirar o mofo e os odores desagradáveis. 

Dê preferência para roupas de algodão, que permitam a transpiração. Evite peças que possam provocar alergias e coceiras, pois elas podem causar feridas na pele. Em suma, o uso de roupas leves e confortáveis é o mais recomendado na primavera, principalmente para os idosos. 

3. Mantenha os ambientes sempre arejados

As doenças alérgicas, como a rinite e a sinusite, podem afetar em cheio a saúde do idoso durante a primavera. Por isso, é fundamental manter todos os ambientes da casa sempre arejados, permitindo assim a troca de ar, eliminando ácaros e fungos. Todos os cômodos da casa precisam estar sempre ventilados, principalmente durante o dia. 

Mesmo em dias de temperaturas mais amenas, mantenha sempre portas e janelas abertas. Como a umidade do ar pode ficar mais baixa durante a primavera, o uso de umidificadores de ambientes também pode evitar problemas de origem alérgica, que tanto incomodam os idosos.

4. Não descuide da hidratação

Mesmo durante a primavera o ar continua seco e, para que a saúde do idoso não fique prejudicada durante essa bela estação, é importante manter uma boa hidratação. Muitos idosos não têm o hábito de tomar água constantemente, mas esse importante detalhe não deve ser esquecido. Mesmo que a sede ainda não dê as caras, é fundamental se hidratar. 

O ideal é que o idoso tome cerca de 1,5 litro de água todos os dias. A água exerce um papel fundamental em nosso organismo, auxiliando no trânsito intestinal e evitando o ressecamento da pele. Na hora da hidratação, prefira sucos naturais, água ou chás. O idoso sempre deve manter uma garrafa com água ao seu lado. 

5. Não esqueça da saúde ocular

Durante a primavera, é comum a presença de ácaros e outros microorganismos que podem causar doenças oculares em pessoas idosas. A conjuntivite é a mais comum delas. 

Por isso, é fundamental adotar algumas medidas de higiene, como não coçar os olhos com as mãos sujas e evitar o contato próximo com mofo e poeira, que podem causar irritação ocular. 

Para que a saúde do idoso não seja afetada na primavera e caso apareça qualquer anormalidade na região ocular, um médico deverá ser consultado. Negligenciar possíveis doenças oftalmológicas pode ser uma atitude insensata e trazer graves consequências no futuro. 

6. Sol forte deve ser evitado

Não é novidade para ninguém que os períodos de sol forte devem ser evitados e com os idosos não seria diferente. Para manter o bem-estar do idoso na primavera, é necessário evitar a exposição solar das 10 horas da manhã até às 16h horas da tarde. Os raios UV são mais fortes nesse horário e podem prejudicar a pele, causando diversas doenças, como o câncer. 

Além disso, caso o idoso precise ficar exposto ao sol, deve usar óculos escuros, boné e um protetor solar com FPS acima de 30, além de reforçar a hidratação. Afinal de contas, toda proteção é sempre bem vinda, já que a pele de pessoas que estão na terceira idade costuma ser bem mais sensível. 

Isso não significa que o idoso não pode sair, apenas que alguns cuidados devem ser tomados. Vai fazer caminhada? Dê preferência para o começo da manhã ou o final da tarde. 

7. Exercícios físicos sempre

Atividades físicas constantes, além de fortalecer a saúde do idoso, podem ajudar na prevenção de doenças cardiovasculares, diabetes e outros problemas comuns na terceira idade. Além disso, deixar o sedentarismo de lado pode melhorar o sistema imunológico do idoso e dar mais disposição no dia a dia. 

Entretanto, antes de estabelecer uma rotina de exercícios, é necessário fazer uma avaliação médica para saber como está a saúde e quais são as atividades mais indicadas de acordo com as necessidades do paciente.

Caminhada com os amigos, uma corridinha de leve e um prazeroso passeio de bicicleta, são ótimas opções de exercícios para os idosos, mas lembre-se de praticá-los quando o sol não estiver a pino e sempre de acordo com a sua idade e condições físicas. Jamais force a barra, combinado? 

Clínica Portal: bem-estar e qualidade de vida para o idoso

Agora que você conheceu os principais cuidados com a saúde do idoso na primavera, sabia que a clínica de repouso Portal é uma excelente opção para quem deseja ter mais qualidade de vida e bem-estar? Vamos fazer uma enorme diferença na vida de quem faz parte da terceira idade. Aguardamos ansiosamente a sua visita! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
WhatsApp WhatsApp