perda auditiva na terceira idade

Saiba como lidar com a perda auditiva na terceira idade

Descubra como é possível lidar com idosos que apresentam perda auditiva, para manter uma convivência mais tranquila e agradável

Quando acumulamos mais de seis ou sete décadas de vida, alguns problemas de saúde costumam dar as caras e podem atrapalhar bastante a nossa qualidade de vida. A perda auditiva, por exemplo, é bastante comum e afeta milhões de idosos em todo o mundo. 

Por isso, elaboramos esse artigo que vai te dar dicas sobre como lidar com esse problema e explicar por que uma clínica de repouso é a alternativa mais eficaz para quem está na terceira idade. Aproveite a leitura! 

8 dicas para lidar com perda auditiva na terceira idade

Dê preferência para conversas em ambientes silenciosos

Na hora de conversar com um idoso que apresenta perda auditiva, prefira fazer isso em um local silencioso, sem barulhos em excesso. Além de dificultar o entendimento da pessoa, locais muito barulhentos podem aumentar o esforço na hora de falar. 

Isso pode ser bem cansativo tanto para você quanto para o idoso, já que terá que repetir diversas vezes a mesma frase e falar em um tom de voz mais alto.

Fale devagar e de forma natural

Mesmo que você não tenha o costume de fazer isso, se esforce para mudar esse hábito na hora de conversar com alguém que tenha problemas auditivos. Um idoso com perda auditiva não vai conseguir entender nada se o interlocutor não falar devagar e da forma mais natural possível. A pessoa nessa condição só vai entender perfeitamente se você falar mais devagar, portanto é importante ter alguns cuidados para manter uma boa comunicação.

Fale de frente para ela, articulando bem as palavras de maneira pausada e sem gritar. Falar aos berros demonstra impaciência e pode constranger o idoso, principalmente se estiver em público.

Seja objetivo

Quando você for conversar com um idoso nessa condição, é preciso ser objetivo. Use frases curtas e com palavras de fácil entendimento, pois isso vai facilitar a comunicação. Ser direto pode te poupar um desgaste excessivo no dia a dia e aumentar as chances de entendimento da mensagem por parte do idoso. 

Expressões longas e palavras complicadas demais não são recomendadas nesse caso, pois podem deixar o idoso perdido e até mesmo levar a problemas de interpretação. Por isso, seja bastante objetivo na hora de falar ou perguntar algo. 

Paciência acima de tudo! 

Por mais que seja complicado lidar com idosos que sofrem com a perda auditiva no cotidiano, é preciso ter paciência, afinal, esse problema é decorrente do processo natural de envelhecimento. Se for preciso repetir o que acabou de falar, faça isso quantas vezes forem necessárias para que a outra pessoa entenda e se sinta acolhida na conversa. 

Sabemos que isso pode ser desgastante em algumas situações, mas a paciência e a calma na hora de se comunicar com quem tem perda auditiva faz toda a diferença. Se ficar repetindo a mesma coisa diversas vezes é chato para você, imagine para um idoso que precisa que os outros tenham paciência com ele. Se coloque na situação do outro sempre. 

Incentive o uso de aparelhos auditivos

Essa é uma alternativa inteligente e sensata. Lidar com idosos com surdez acentuada pode ser um baita desafio, mas incentivar o uso de aparelhos auditivos nesse cenário pode facilitar a comunicação, aumentar a qualidade de vida e garantir mais autonomia aos idosos. 

Essa tecnologia permite que o idoso volte a escutar com muito mais clareza, o que pode ser de grande valia para quem convive com ele e para o próprio idoso, que conseguirá realizar suas atividades diárias com mais tranquilidade.

Mesmo que a fase de adaptação com o aparelho possa ser complicada, não desestimule o idoso e incentive-o a usá-lo diariamente. Conte com o apoio de um fonoaudiólogo durante esse processo para facilitar a adaptação.

Ofereça companhia

Negligenciar um idoso que está com perda auditiva nunca é o mais recomendado. O isolamento social ou da família pode levá-lo a desenvolver depressão, ansiedade e outros distúrbios psicológicos. Por isso, sempre que for possível, ofereça a sua companhia nas horas vagas. 

Ninguém gosta de se sentir só, principalmente quando apresenta algum problema de saúde. Nem que seja somente para escutá-lo, reserve alguns minutos do seu dia para fazer companhia para o idoso e mostre que está ali por ele. Isso faz um bem danado para ambos! 

Uma clínica de repouso pode te ajudar

Se você tem um idoso na família que apresenta perda auditiva e não tem tempo para cuidar dele de maneira integral, uma clínica de repouso pode ser uma grande aliada. Nesse local, o idoso vai ter todo o carinho e atenção que merece, além de mais bem-estar e qualidade de vida, com acompanhamento médico completo. 

Em uma clínica de repouso, os hóspedes são recebidos de braços abertos e recebem atendimento VIP. Além disso, os idosos têm acesso a um programa completo de atividades lúdicas de socialização e podem até praticar atividades físicas, com acompanhamento de especialistas e sempre de acordo com as necessidades de cada um. Independente da sua condição de saúde, o bem-estar do idoso será sempre a prioridade. 

Tenha mais empatia

Qualidade tão necessária no mundo de hoje, a empatia cabe em qualquer lugar e todas as pessoas deviam ter de sobra. É preciso entender que a situação é nova para o idoso também, por isso, procure ter o máximo de empatia. 

Saiba escutá-lo com calma, tenha paciência no diálogo e procure atendê-lo em suas necessidades diárias. Em suma, coloque-se no lugar dele e veja como gostaria de ser tratado, caso apresentasse surdez em estágio avançado ou outro problema de saúde. Ter empatia é fundamental para uma agradável convivência humana. 

A clínica de repouso Portal te aguarda

Agora que você está por dentro das dicas sobre como lidar com a perda auditiva na terceira idade, a hospedagem em uma clínica de repouso pode ser uma excelente alternativa para as pessoas que procuram ter mais bem-estar, saúde e qualidade de vida. Por isso, a clínica Portal é uma escolha inteligente. Pode acreditar, ela vai fazer toda a diferença na vida dos seus hóspedes. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
WhatsApp WhatsApp