Adaptar a casa para os idosos é essencial

Dicas essenciais para adaptar a casa e evitar acidentes domésticos com idosos

Em todas as fases da vida adaptações são necessárias para que possamos viver bem e sem correr riscos.

 

Quando bebês e crianças, nossos pais se preocupam em manter a casa segura, longe de qualquer coisa que possa nos machucar, afinal, nessa idade estamos descobrindo o mundo e qualquer objeto pontudo ou tomadas à vista podem ser muito atrativos, não é mesmo?

 

Já quando crescemos e estamos adultos, as preocupações e descobrimentos da infância já não são motivos de preocupação. As adaptações necessárias ocorrem conforme queremos nosso conforto, comodidade e segurança – instalando câmeras e alarmes na casa, por exemplo.

 

Quando envelhecemos, essas adaptações devem continuar acontecendo e devem ser uma fusão das preocupações da infância com as da vida adulta, afinal, conforme a idade vai chegando, ficamos mais frágeis e propensos a sofrer acidentes graves em casa, assim como também temos necessidade de viver em um local confortável e agradável.

 

No post de hoje, vamos explicar para você sobre a importância de fazer adaptações na casa para evitar acidentes domésticos com idosos e também daremos dicas para que esse processo seja feito mais facilmente. Continue com a gente!

 

 

Por que é necessário adaptar a casa para os idosos?

Como citamos no início desse post, toda fase da vida demanda cuidados especiais.

 

Quando envelhecemos, nossos reflexos e mobilidade não são mais os mesmos, por isso, acidentes que não aconteceriam ou que não causariam tantos danos a alguém jovem, estão mais propensos a acontecer com idosos – e serem graves.

 

Por isso, não tem como fugir: adaptar a casa é um ato de amor essencial para proteger a saúde dos nossos idosos e proporcionar bem-estar.

 

7 dicas para adaptar a casa e evitar acidentes domésticos com idosos

Segundo a Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia, um terço da população brasileira acima dos 65 anos sofre acidentes domésticos ao menos uma vez por ano, geralmente envolvendo quedas.

 

Conforme a idade avança, essa proporção de acidentes anuais aumenta e pode provocar ferimentos leves, contusões, torções e até mesmo fraturas! Por isso, se você tem um idoso em casa, adaptá-la conforme as necessidades dele é essencial para que ele possa viver tranquilamente e sem riscos de se machucar.

 

Confira abaixo 7 dicas para adaptar a casa e evitar que seu velhinho sofra acidentes domésticos.

 

1) Como adaptar um banheiro para idosos?

Como você deve imaginar ou já deve ter ouvido falar, o banheiro é um dos locais mais propícios para ocorrer acidentes graves envolvendo idosos.

Isso acontece porque esse cômodo da casa costuma estar úmido e, além disso, possui inúmeros itens que podem colaborar para que o idoso se desequilibre e caia – como o vaso sanitário, por exemplo.

Por isso, é importante que o banheiro possua objetos e itens que deem mais aderência aos pés do idoso e também adaptações que sirvam como apoio para que ele possa se segurar e ter mais segurança para se locomover.

Para garantir um banheiro seguro para o idoso, você pode seguir as seguintes dicas:

  • Procure instalar pisos antiderrapantes no banheiro;
  • Instale barras para apoio próximas ao vaso sanitário e ao chuveiro, para que ele tenha onde se segurar;
  • Coloque um tapete antiaderente no chão do chuveiro, assim, ele terá firmeza nos pés quando estiver no banho, evitando escorregões;
  • Escolha um box que seja resistente para que, assim, acidentes com vidro sejam evitados;
  • Deixe uma cadeira de banho disponível para o idoso, para o caso dele precisar se sentar.

 

2) Como adaptar um quarto para idosos?

O quarto é o cômodo da casa que deve passar tranquilidade, conforto e, especialmente no caso dos idosos, praticidade.

 

Por isso, manter todos os pertences do idoso ao alcance dele, como roupas, acessórios e objetos pessoais, é essencial para ele não fique nervoso e nem pense em subir em móveis para conseguir alcançar alguma coisa.

 

Outro ponto importante para ser observado na adaptação de um quarto para idoso são os móveis disponíveis. Eles devem ser compatíveis com as características e necessidades do idoso para que se, por exemplo, ele precise se levantar à noite para ir ao banheiro, possa fazer isso sem dificuldades – e sem esbarrar em nada!

 

Para garantir um quarto seguro para o idoso, você pode seguir as seguintes dicas:

 

  • Procure deixar um abajur, lanterna ou interruptor próximo à cama do idoso, dessa forma, ele terá luz se precisar se levantar durante a noite;
  • Mantenha os armários e guarda-roupas em uma altura acessível para que ele possa pegar o que quiser sem dificuldades;
  • Adapte a cama para que ela tenha uma altura confortável para que o idoso consiga subir e descer facilmente.

 

3) Como adaptar uma sala de estar para idosos?

A sala de estar é um ambiente de descontração para toda a família, inclusive para o idoso! Porém, esse local também costuma estar recheado de móveis e objetos decorativos que podem ser perigosos para eles.

 

Uma sala cheia de objetos e móveis pelo caminho pode ser um desafio para o idoso, pois dificulta sua locomoção, podendo, inclusive, provocar esbarrões e quedas. Por isso, também é um ambiente que deve ser cuidadosamente adaptado.

 

Para garantir uma sala de estar segura para o idoso, você pode seguir as seguintes dicas:

 

  • Evite trocar os móveis de lugar para não confundir os movimentos habituais do idoso;
  • Procure sempre deixar uma área de passagem livre para ele, facilitando sua movimentação;
  • Evite ter tapetes que fiquem soltos no chão, o idoso pode facilmente tropeçar e sofrer uma queda;
  • Escolha sofás, cadeiras e poltronas onde ele possa se apoiar e ter firmeza;
  • Preste atenção aos fios dos aparelhos eletrônicos para que nenhum fique solto no chão, o idoso pode tropeçar e se machucar.

 

4) Como adaptar uma cozinha para idosos?

Assim como o banheiro, a cozinha é um ambiente essencial em uma casa e que pode oferecer inúmeros perigos se não adaptada corretamente para um idoso.

 

Ter que subir em cadeiras para alcançar objetos, bancadas muito altas, líquidos que caem no chão… são detalhes que parecem insignificantes, mas que para alguém com idade avançada pode representar perigo.

 

Para garantir uma cozinha segura para o idoso, você pode seguir as seguintes dicas:

 

  • Ajuste os móveis para que o idoso possa usá-los de maneira confortável sem precisar subir em cadeiras ou escadas;
  • Evite colocar alimentos e utensílios utilizados pelo idoso em locais de difícil acesso, como em cima de prateleiras altas, por exemplo;
  • Limpe o chão assim que líquidos ou alimento forem derrubados, dessa forma, o idoso não corre o risco de escorregar;
  • Sempre confira se o gás está desligado, especialmente se o idoso utilizar o fogão;
  • Pisos antiderrapantes na cozinha pode ser uma boa ideia para evitar acidentes.

 

 

Aqui na Clínica de Repouso e Cuidados de Idosos Portal 8 tudo é adaptado para oferecer mais conforto e segurança aos nosso idosos, afinal, somos mais que uma clínica de repouso, somos um lar para idosos!

Para saber mais sobre nossa estrutura e método de trabalho é só entrar em contato!

 

 

 

 

 

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima
WhatsApp WhatsApp